Contributos para um perfil

Não é possível criar de forma semi-automatizada um perfil, para uma área até agora inexistente a nível do aparato técnico de gestão da investigação. Ao escolher um conjunto de actividades que se pretendem conjugar num objectivo comum, incentivando uma dada área, existe uma muito maior subjectividade do que a envolvida em perfis de áreas cuja classificação é hoje tradicional.

Contudo, fiz uma tentativa de descrever a área em Portugal como ela poderia vir a ser descrita, através de três fontes de informação distintas, postas à minha disposição pelo Observatório das Ciências e das Tecnologias e a Fundação da Ciência e Tecnologia:

A partir destes dados, cheguei a três listas que ponho à consideração da comunidade científica:
  1. Uma lista de projectos, divididos em projectos na área e projectos relacionados
  2. Uma lista de bolsas, também divididas entre bolsas na área ou com ela relacionadas
  3. Uma lista de doutorados potencialmente associados ou associáveis à área.
juntamente com alguns comentários sobre a metodologia empregue.

Por outro lado, e através da informação presente na rede (WWW), tentámos criar um catálogo de recursos e actores na área do processamento computacional do português (sem restrições nacionais ou geográficas), em desenvolvimento desde Julho de 1998, e acessível do nosso servidor em http://www.linguateca.pt/.


Perguntas, comentários e sugestões.
Voltar a Processamento computacional da língua portuguesa: documento de trabalho